PRIMEIRO MÊS DO BEBÊ – SEGUNDO FILHO

06/11/2017 Amanda Ribas

Oi Pessú!

Que saudade que eu estava de atualizar o blog. Acreditem, agora será uma constante por aqui!!
Por isso voltem sempre :)

Estou fazendo o DIÁRIO DO BEBÊ lá no YouTube e pensei: “poxa, pq não registrar em post no Blog também!?” Quando a gente escreve é diferente, né?

Logo que engravidei, uma das minhas maiores preocupações era referente aos três primeiros meses. Como seriam as noites? Será que ele iria ser um bebê que chora bastante? Então dia 27/07/2017 ele nasceu! Lindo, forte! E tudo foi ganhando respostas.
A primeira semana foi muito tranquila. Ele dormia muito durante o dia, me causava até uma certa preocupação (poxa, não lembrava como um RN dorme!) e a noite era cada dia de um jeito: noites ótimas em que ele acordava 2 vezes e noites mais cansativas, acordando 4 ou 5 vezes.
Não me senti cansada. Durante o dia ficava dando atenção para a Lelê, e quando ela ia pra escola aproveitava e dormia bastante junto com o bebê à tarde.
Conforme as semanas foram passando ele começou a acordar de três em três horas, todas as noites.

Sem título

Ele sempre tinha muita tosse depois de mamar e começou a ter bastante gases por volta de uns 12 dias de vida. Cheguei a pensar em refluxo, conversei com a pediatra e ela me disse ser normal esses sintomas em RN e que se não passassem iríamos investigar na próxima consulta de dois meses. É, realmente passou.

Emoções a todo vapor
Vamos falar um pouco sobre o meu emocional. A primeira semana estava completamente sensível, acredito que também pela demanda do ciúmes da Helena.

Farei em breve um relato escrito, mas se quiser assistir já falei sobre como foi  CLICANDO AQUI NESSE LINK

Conforme as coisas foram se acalmando, os dias passando, baby blues indo embora e hormônios dando lugar a normalidade, eu também fui melhorando e me sentindo mais preparada para essa nova fase como mãe de dois…
Meu marido pegou vinte dias de licença, e quando percebi que ficaria sozinha com os dois, me bateu um medo.. Pedi ajuda para mãe, sogra, tia, amiga e fui dando conta conforme a necessidade.

2

Amamentação

Para mim foi suuuuper tranquilo, não tive nenhum contratempo, meu leite desceu e o Guilherme tinha a pegada super boa. Da mesma forma que foi com a amamentação da Lelê.
Porém, se você estiver tendo problemas pode procurar por uma consultora em Aleitamento Materno ou até mesmo o banco de leite da sua cidade (dá um google) que eles vão te ajudar muito para que tudo corra bem.

Peso e alimentação

Eu engordei no total 16kg na gestação, na primeira semana perdi 10 assim tranquilinha…
Nas semanas seguintes fui perdendo bem mais lentamente, e agora estou na reeducação alimentar para eliminar os quilinhos que faltam e mais alguns.
Se quiser ver como está sendo esse processo tem o DIÁRIO DA DIETA lá no canal É SÓ CLICAR AQUI

3

E assim fechamos nosso relato do primeiro mês dessa delícia que é ser mãe, seja de primeira, segunda ou décima viagem!

Gostou?  Compartilha com as futuras mamães que você conhece e vamos espalhar amor e informação!!!

Beijo enorme,

Mandi Ribas